Últimas Resenhas

[Resenha] Luz e Sombra - Anaté Merger

07 agosto 2017

Título: Luz e Sombra
Gênero: Romance de Época | Romance
Autora: Anaté Merger
Editora: Bezz | Leque Rosa
Páginas: 409
Ano: 2017

Sinopse:
"Virgílio é um engenheiro carioca, entediado, taciturno, que nunca amou ninguém e tem na restauração das antigas fazendas de café a sua única paixão.
Ao estar prestes a adquirir mais um imóvel para ser restaurado, ele se depara com um quadro cuja figura, até então sem nome, lhe assombrava os sonhos : Olympia, filha de um barão, em um quadro do século XIX. O olhar azulado da moça o atrai de uma maneira obsessiva e aos poucos ele se envolve numa trama cada vez mais absurda, com joias misteriosas e uma inusitada carta.
Ao tentar descobrir o que as linhas amareladas escondem, Virgílio se encontra em um emaranhado de artimanhas e chantagens, amor e ódio, onde o ontem e o amanhã se confundem durante um cruzeiro pelo Atlântico no ano de 1873 e o poder da luz sobre as sombras surge nos lugares, nas pessoas e nas atitudes mais improváveis."




Hoje

trago para vocês a resenha do livro " Luz e Sombra" Da Anté Merger a mais nova parceira do cantinho, e aproveito para desejar as boas vindas à família Paraíso!!! A história é super envolvente e cativante, e mostra que para o amor, não há limites e obstáculos. O livro é dividido em 3 partes, permitindo um melhor entendimento de todo o enredo. Antes de começar a resenha quero falar sobre a capa, que é simplesmente maravilhosa e tem toda a relação com o enredo.


" Não suportaria mais resistir à voz que gritava em alto e bom som que ele estava apaixonado. Apaixonado por um fantasma..."


Virgínio, é um renomado engenheiro, que mora no Rio de Janeiro. Ele é uma pessoa calma e reservada, porém teve muitos momentos amorosos, e atualmente está namorando Clara, uma mulher que demonstra gostar dele, mas é muito metida e egoísta, o que deixa Virgínio irritado com certa frequência.

O relacionamento de Virgínio com Clara estava cada vez pior, mas foi depois de uma viagem de navio que eles fizerem juntos, que ele percebeu que seu relacionamento estava indo de mal a pior, nessa viagem Virgínio sofreu um acidente e depois disso sua vida não era mais a mesma, durante várias noites ele tinha sonhos com uma mulher desconhecida, mas que despertava um sentimento intenso em seu coração. Virgínio trabalha com revitalização de grandes fazendas, e recebe uma proposta para comprar a "Inocência", uma fazenda localizada no interior do Rio de Janeiro. Ele mau chega para analisar a fazenda e Clara já estava querendo ir embora, afinal a moça odeia a vida de campo, mas em impeto Clara acabando fazendo aquilo que seria a partida para o fim de seu relacionamento.



" Virgílio a viu, mas a imagem que despertou o amor nos meninos, a saudade no velho e que também poderia criar as mais variadas fantasias e desejo em muitos homens, fez com que ele tivesse uma antiga e inexplicável impressão: de que Clara não era e nem poderia ser a mulher para ele."

O que fez Virgínio decidir que seu relacionamento tinha chegado ao fim, foi ver Clara destruir a arte mais famosa da "Fazenda Inocência", que era a pintura que retratava as gêmeas, filhas do Barão Antunes. Assim que ele encontrou o quadro o seu coração bateu mais forte, e ele teve a certeza de que a pessoa que ele vinha sonhando desde o acidente que sofreu na viagem que fez com seus amigos, era nada mais nada menos que Olympia, uma das gêmeas que viveram no século XIX que se encontrava retratada naquela pintura.


" Ele amava Olympia como nunca tinha amado nenhuma outra mulher e ao mergulhar no seu olhar ele viu que ela sentia o mesmo."

Virgínio ficou confuso com a sensação que sentiu ao ver o rosto de Olympia estampado no quadro e começou a procurar nos livros da época, informações referentes a vida dela, de forma que explicasse como ele poderia estar apaixonado por uma mulher que não conheceu, a não ser em seus singelos sonhos.

É a partir desse momento que a história toma rumos surpreendentes, que prende o leitor até o final. A escrita da autora é muito leve e tranquila, e apesar do começo da história ser um pouco confusa, não demorou muito para eu compreender tudo que estava acontecendo na vida de Virgínio.

Para você que gosta de livros de romance com um quê de coisas sobrenaturais, esse sem dúvida é um livro para você ler, e assim como eu se envolver nesse diferente romance de Virgínio e Olympia.

Essa é minha primeira experiência com um Romance de época e confesso que fiquei encantada com o cenário, a romance é fluído e quando você menos espera já terminou. Recebemos o material em e-book da autora e por isso além da capa linda só posso falar da revisão que estava muito boa. O livro é muuuito bom.

A autora esta de parabéns e já entrou para o Hall das queridinhas, leitura super indicada!


" Tudo o que nos pertence sempre acaba nos encontrando"


Real Time Web Analytics